Dividas fiscais em execução fiscal - Pagamento em 12 prestações com dispensa de garantia


Passam a estar dispensados de prestação de garantia os processos de execução fiscal, independentemente do valor da dívida, quando seja proposto pagamento em 12 prestações.


Esta norma será aplicável a todos os pedidos que sejam apresentados até 31 de dezembro de 2016.


A manutenção do plano prestacional dependerá sempre do cumprimento dos seguintes requisitos:

  • pagamento atempado das prestações (a falta de pagamento de uma prestação importa o vencimento imediato das seguintes, prosseguindo o processo de execução fiscal os seus termos, isto é, diligências tendentes à cobrança coerciva dos montantes);

  • não alienação ou oneração de património suscetível de garantir a dívida, enquanto estiver em curso o plano prestacional;

  • regularização de novas dívidas no prazo máximo de 90 dias a contar da data do seu vencimento.

Refira-se que os contribuintes que solicitem o pagamento em prestações com dispensa de garantia ficam sujeitos ao pagamento de uma taxa de juro (taxa de juro aplicável às dívidas ao Estado e outras entidades públicas – atualmente fixada em 5,168% pelo Aviso nº 87/2016, de 6.1, )


André de Sousa Tavares

Consultor


Rua Faria Guimarães, nº 69 - 4000-206 Porto

Tel  224 054 900 | Fax 224 054 901 | mail@consultingcast.pt

  

Siga-nos:

  • Facebook Limpa
  • YouTube

Todos os direitos reservados www.consultingcast.pt - 2020